FANDOM


 
Gametitle-FO3Gametitle-FO4
Gametitle-FO3Gametitle-FO4

Doutor Stanislaus Braun é o supervisor do Vault 112, que está preso numa simulação da Vault-Tec por sua própria escolha em que ele aparece como uma garotinha chamada Betty. Antes da Grande Guerra, ele era um grande cientista alemão da Vault-Tec, chefe da Future-Tec e o criador do G.E.C.K.

História Editar

Um cientista preeminente, Dr. Braun dirigiu muitos experimentos surpreendentes em sua longa carreira, mas de maior interesse foram as suas teorias sobre a preservação da vida avançada. É dito que o Exército Americano contratou Braun para desenvolver vários métodos para sustentar a vida humana em caso de uma guerra nuclear. Quando a guerra veio, Braun escapou para a segurança do Vault 112 e desde este dia, sua forma enrugada deu uma nova vida (virtual) como uma menina chamada Betty.

Nascido na vila de Kronach, Bavaria, Alemanha, Dr. Braun foi o diretor do Programa de Preservação Social da Vault-Tec, e notas de outros Vaults sugerem que ele não possuía relações com os Supervisores do Vault Experiment. mesmo com sua autoridade administrativa e especialista científico.

Embora ele tenha assumido um papel maior na ativação e atribuição dos Vaults, grande parte da sua responsabilidade tornou-se imersiva e obsessiva na administração de todo o experimento de Realidade Virtual do Vault 112.

Nos últimos dois séculos, Braun tem sido novos mundos simulados como "Toucan Lagoon" e "Saloon Chalet", mas muitas vezes ficava entendiado e começou a manipular as simulações para impor crueldade sobre os Vault Dwellers como uma tentativa para entreter-se.

Um terminal à prova de falhas em Tranquility Lane, mostra que Braun encomendou a "Invasão Chinesa à prova de falhas", um meio de matar permanentemente os habitantes do Vault 112, mas (para sua decepção) não o mata, o que o deixaria preso sozinho na simulação pra sempre.

Na simulação atual do mundo pré-Guerra, Tranquility Lane, Braun assumiu a identidade de uma menina chamada "Betty" em mais uma tentativa para se entreter - no simulador, ele pode ser qualquer coisa que quiser, e então passa a experimentar a forma de uma jovem. Como "Betty", Braun fala com uma voz perfeitamente simulada de uma garotinha, mas uma vez que ele é revelado, ele tende a alternar entre a sua voz e a da garotinha. A maioria dos moradores de Tranquility Lane não tem conhecimento da natureza de Betty, embora alguns vagamente são conscientes de que ela é importante e uma criança diz que "ela é má". A única pessoa que tem conhecimento da natureza de Betty é a velha senhora Dithers.

Quando James se aproximou dele para assistência na recuperação de um G.E.C.K. utilizável na Capital Wasteland, Braun o prende em um Pod Simulator.

Personalidade Editar

Retratado como um narcisista e psicopata, Braun é arrogante e possui um tremendo ego, um senso inflado de sua inteligência, e problemas de raiva. Ele ataca com desrespeito, acredita que sempre está certo, e responde com longas disgressões mesmo a perguntas simples.

Ele também tem um lado sádico, carece por qualquer empatia por suas vítimas na simulação, e não tem qualquer misericórdia sobre os moradores indefesos do Vault 112 tratando-os como meros brinquedos para sua própria diversão. Braun vê a morte na simulação como algo menor, já que ele pode normalmente ressuscitá-los a qualquer momento que desejar.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória